ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Search

Mulher mantida em cárcere privado em hospital do Rio está 'apodrecendo', diz Polícia Civil

 


O inquérito policial sobre a mulher mantida em cárcere privado no Hospital Santa Branca, em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro, citou haver "indícios claros de que a vítima esteja apodrecendo" na unidade onde ela foi submetida a uma cirurgia plástica.

Daiana Chaves Cavalcanti, de 36 anos, está internada na unidade desde junho depois de apresentar complicações na abdominoplastia feita no último mês de março. 

A paciente segue no hospital, alvo de uma operação na última segunda-feira (18) para prender o médico responsável pelo procedimento cirúrgico, Bolívar Guerrero Silva. 

Ainda no inquérito enviado à Justiça, a polícia alerta que a vítima pode estar com infecção generalizada e "à beira da morte". O documento também cita que mulher pode estar sendo mantida para "ocultar a atividade criminosa do médico". 

Uma testemunha contou aos investigadores que o médico ameaçou não usar mais a máquina para drenar a secreção expelida pelo corpo da paciente. O cirurgião também teria dificultado a transferência de Daiana para o Hospital Federal de Ipanema.

MÉDICO NEGA ACUSAÇÕES

Bolívar Guerrero Silva disse em depoimento à polícia que a mulher quem não quis ser transferida. O médico alegou que não houve erro médico e negou o cárcere privado. 

Anteriormente, o hospital informou em nota que as acusações são "infundadas" e que Bolívar não é sócio da unidade. A equipe que trabalha com o cirurgião plástico alega que aceitou liberar a paciente desde que ela assinasse um documento se responsabilizando por qualquer problema após a alta.

Ainda conforme a publicação, os policiais cumpriram mandados de prisão preventiva, de busca e apreensão e de condução coercitiva no Hospital Santa Branca.



nanomag

Radialista Publicitario e Líder dos movimentos sociais.


0 thoughts on “Mulher mantida em cárcere privado em hospital do Rio está 'apodrecendo', diz Polícia Civil

    Comente! Expresse sua opinião sobre o assunto ou sobre a dinâmica do site e nos ajude a evoluir!